Lucas: A grande Ceia

15. E, ouvindo isto, um dos que estavam com ele à mesa, disse-lhe: Bem-aventurado o que comer pão no reino de Deus.

16. Porém, ele lhe disse: Um certo homem fez uma grande ceia, e convidou a muitos.

17. E à hora da ceia mandou o seu servo dizer aos convidados: Vinde, que já tudo está preparado.

18. E todos à uma começaram a escusar-se. Disse-lhe o primeiro: Comprei um campo, e importa ir vê-lo; rogo-te que me hajas por escusado.

19. E outro disse: Comprei cinco juntas de bois, e vou experimentá-los; rogo-te que me hajas por escusado.

20. E outro disse: Casei, e portanto não posso ir.

21. E, voltando aquele servo, anunciou estas coisas ao seu senhor. Então o pai de família, indignado, disse ao seu servo: Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade, e traze aqui os pobres, e aleijados, e mancos e cegos.

22. E disse o servo: Senhor, feito está como mandaste; e ainda há lugar.

23. E disse o senhor ao servo: Sai pelos caminhos e valados, e força-os a entrar, para que a minha casa se encha.

24. Porque eu vos digo que nenhum daqueles homens que foram convidados provará a minha ceia.

Significados: Deus, Senhor.

Você está lendo Lucas na edição ACF, Almeida Corrigida e Revisada Fiel, em Português.
Este lívro compôe o Novo Testamento, tem 24 capítulos, e 1151 versículos.